A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) divulgou, na manhã desta sexta-feira (13), a avaliação da quadra chuvosa (fevereiro, março, abril e maio) no Ceará. Segundo o anúncio da entidade, as chuvas no Estado ficaram 24% abaixo da média esperada para os 4 meses. Apesar de abaixo do esperado, o índice ainda foi melhor do que nos anos de 2013 (-37,7%) e 2012 (-50,7%).

De acordo com a Funceme, durante a quadra chuvosa, o Litoral Norte foi a região que ficou mais abaixo da média, seguido pela região da Ibiapaba e Litoral do Pecém. A região do Cariri, apesar de ter iniciado o ano com grande déficit de chuvas, foi a menos atingida pela estiagem, ficando com as precipitações em torno da média.

Ibiapina tem cenário diferente

O município de Independência, na região do Sertão Central, foi o que apresentou menor média de chuvas entre fevereiro e maio, com apenas 176,8 mm, 62,9% menor do que o que era esperado. Por outro lado, o munícipio de Ibiapina, na Serra da Ibiapaba, ficou com chuvas em torno da média, acumulando 1.302 mm de chuvas e ficando com o posto de município com maior índice de chuvas.