Sobral concentra mais de 70% do seu Produto Interno Bruto (PIB) no
setor de serviços, é a quarta maior economia do Ceará e a maior do
interior do Estado. A indústria que corresponde a 28% do produto da
cidade é destaque nos ramos de cosméticos, mineração, embalagens e
cimento. Vale a ênfase também para o setor de rochas ornamentais.

A cidade ocupa a segunda posição no ranking dos municípios
exportadores do Ceará, com US$ 177,8 milhões, esse montante representa
8,4% do total das vendas externas do Estado. A balança comercial
sobralense exibiu em 2017 um superávit muito significativo, de US$
151,1 milhões, resultado de um forte setor exportador, e de
importações relativamente modestas, que chegaram à marca de US$ 26,6
milhões. Os dados são de estudo realizado pelo Centro Internacional de
Negócios da FIEC.

Os principais produtos exportados pertencem aos subsetores de
calçados. Os Estados Unidos são o principal destino das exportações de
Sobral, com US$ 23,1 milhões, seguido por Paraguai e Colômbia, em
quarto lugar surge a Bolívia que quase dobrou sua participação de 2016
para 2017. Também nas importações, os Estados Unidos são o grande
parceiro comercial do município, com 38% das compras externas.
Destaca-se também o Japão que aumentou em mais de 4 mil pontos
percentuais suas vendas para Sobral no referente período.

Fonte: Gerência de Comunicações – Sistema FIEC